fbpx

UniSecal doa alimentos para ‘Handebol de Ponta’ e auxilia no desenvolvimento do projeto

O Centro Universitário Santa Amélia apoia o crescimento do esporte em PG

Na última sexta-feira, dia 7 de dezembro, os acadêmicos do 5ºA período da graduação em Administração, juntamente com duas alunas do curso de Gestão de Recursos Humanos da UniSecal, realizaram a quinta doação de alimentos para o Projeto Handebol de Ponta. Em parceria com um supermercado da cidade de Ponta Grossa, a entrega dos donativos foi realizada no Colégio Estadual Professor João Ricardo Von Borell.

Com o objetivo de contribuir com o desenvolvimento do esporte na cidade de Ponta Grossa, a UniSecal vem colaborando neste ano com o ‘Projeto’ com a doação de alimentos, o que auxilia no desenvolvimento dos jovens que participam do ‘Handebol de Ponta’. Para o professor da UniSecal que coordena a ação solidária, Fábio Takeshi Sato, a participação dos acadêmicos é importante para que eles compreendam “o quanto é significativo o projeto, pois mostra quanto a empatia pode mudar as pessoas”, explica o docente, ressaltando que os alunos do Handebol de Ponta apresentaram um maior interesse em estar na escola.

Neste ano de 2018, as turmas de Administração que realizaram as doações foram: 4ºA, 6ºA, 8ºA, 8ºB e agora o 5ºA. Segundo o coordenador do ‘Handebol de Ponta’, Fabiano Henrique Stadler de Castro, as ações solidárias da UniSecal foram fundamentais. “Agora, o projeto acontece no Colégio Borell e muitos alunos moram mais distantes e não tem condições de treinarem e voltarem para casa antes da aula. Por conta disso, a solução encontrada foi a de oferecer almoço para que os alunos pudessem treinar e permanecer na escola. Isto só foi viável graças à doação dos alimentos que se deu por meio dessa parceria”, explica Castro, que ainda enfatiza que o professor Fábio da UniSecal, juntamente com a Diretora do Colégio Borell, Claudete Albuquerque, foram os maiores apoiadores do ‘Projeto’ este ano.

Por conta da contribuição dos estudantes da UniSecal, no dia 9 de dezembro, domingo, foi realizado um almoço com os atletas e pais dos jogadores que fazem parte do ‘Projeto’. O evento comemorou o final do ano e as atividades do Handebol de Ponta e foi realizado também no Colégio Borell. Para o ano de 2019, Sato comenta que pretende contribuir ainda mais no desenvolvimento do ‘Projeto’ e espera que isso possa acontecer, pois “vai de encontro com a missão da UniSecal, que é a de transformar pessoas”, finaliza o professor.

O que é o Projeto Handebol de Ponta?

Idealizado no início de 2014 juntamente com o Presidente da Liga de Handebol dos Campos Gerais, Boleslau Josef Sékula, o ‘Handebol de Ponta’ foi aprovado pela Lei de Incentivo ao Esporte, junto ao Ministério do Esporte, no final do mesmo ano. Logo, em maio de 2015, na cidade de Ponta Grossa, o ‘Projeto’ iniciou suas atividades.

O Handebol de Ponta pretende oferecer o esporte em contraturno escolar a mais de 400 crianças de escolas públicas, entre 11 e 16 anos, da cidade de Ponta Grossa. Além disso, o projeto tem como objetivo oferecer aos alunos a oportunidade de praticarem esporte de maneira regular e organizadora e, com isso, ajudar a melhorar o rendimento escolar e formar cidadãos mais conscientes e ativos na sociedade.