fbpx

Quais as possibilidades de atuação do Gestor de Produção Industrial?

As indústrias são um dos principais setores econômicos do mundo e, em muitos lugares, são as principais empregadoras. Diante da importância desse setor, é importante ter profissionais qualificados para garantir a eficácia do processo produtivo. E é aí que o Gestor de Produção Industrial aparece como uma peça fundamental para garantir o bom funcionamento dos processos na indústria.

Para conhecer um pouco mais sobre as atividades e funções desempenhadas pelo Gestor de Produção Industrial, confira a lista a seguir:

1- Programação da produção

O Gestor de Produção Industrial pode atuar na área de programação dos processos produtivos, desenvolvendo as seguintes atividades:

Análise do programa diário, semanal e mensal para atendimento aos clientes;

Checagem das quantidades dos materiais e matérias-primas suficientes para atendimento dos pedidos;

Verificação do andamento dos processos produtivos;

Análise de falhas do processo que possam impedir o cumprimento das metas;

Acompanhamento das condições físicas para realização dos trabalhos.

2- Gestão da qualidade na produção

A gestão da qualidade é uma das funções desse profissional também, por meio de:

Implantação de ferramentas da qualidade;

Acompanhamento de resultados dos processos de qualidade assegurada;

Zelar pela integridade dos processos que possibilitem rastreabilidade para identificação de defeitos ocorridos;

Apoio ao setor específico de controle de qualidade (quando houver) ou execução do controle nos processos;

Assegurar utilização de matérias primas e materiais em geral, conforme os parâmetros pré-estabelecidos de qualidade;

Executar metrologia nas fases de fabricação visando evitar falhas nos produtos.

3- Desenvolvimento de produtos e processos

Cabe ao Gestor de Produção Industrial, ainda, trabalhar no desenvolvimento de produtos e processos, a partir das seguintes atividades:

Identificar necessidades dos clientes e inovações no mercado;

Colaborar com setor de engenharia de produto, informando detalhes relativos a limitações de processos;

Executar testes de fabricação preliminares ao lançamento de novos produtos;

Examinar possibilidades de melhorias baseado em falhas ou identificações de gargalos no processo;

Auxiliar na busca de soluções para viabilizar novos produtos e processos em geral;

Conhecer funcionamento de equipamentos industriais;

Acompanhar os recursos de automação para sugestões de adequações quando necessário.

4- Logística interna

Trabalhar com a logística interna é uma das possibilidades de atuação para esse profissional. E as atividades nessa área são:

Auxiliar a ordenação de processos visando facilitar e otimizar movimentação interna de materiais e produtos;

Analisar a adequar layout fabril;

Acompanhar entrada de matéria-prima e materiais, bem como a saída de produtos da área de produção, informando necessidades de melhorias;

No caso de troca de processo não programado avisar ao setor de logística com a maior antecedência possível.

5- Gestão dos Recursos Humanos da atividade produtiva

O Gestor de Produção Industrial também pode atuar na gestão de recursos humanos do setor produtivo, sendo que as tarefas a serem executadas por ele compreendem:

Motivar o pessoal envolvido nos processos produtivos;

Fazer feedback quando necessário de forma profissional e ética;

Verificação da utilização adequada de EPI;

Acompanhamento dos tempos e movimentos do processo, evitando excessos de estresse;

Desenvolvimento de rodízio em tarefas repetitivas;

Verificação do desempenho visando melhorias e progressão de carreira.

6- Integração com demais setores da organização

Além de todas as funções listadas acima, o Gestor de Produção Industrial também pode desenvolver atividades de integração com os demais setores da indústria, como:

Interpretar as necessidades dos demais setores visando bem comum e resultados positivos;

Demonstrar devidamente os resultados do setor, bem como necessidades e possibilidades;

Expressar-se de forma clara de forma a integrar aspectos Comerciais, Financeiros, e de Recursos Humanos entre outros, quando em reuniões gerais;

Agir de forma prestativa para atendimento das necessidades de manutenção, treinamento, entre outras.

 

A área de Gestão de Produção Industrial é voltada para quem deseja trabalhar em processos de fabricação, atuando como intermediário entre os trabalhadores das atividades operacionais e a direção da indústria. Se essa é a carreira que deseja atuar, você pode saber mais sobre o curso de Gestão de Produção Industrial da UniSecal em nosso site. Lá você vai ver quais disciplinas irá cursar e mais informações sobre o curso, que tem nota 4 no Conceito de Curso do MEC (CC).