II Fórum de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos e Direitos Humanos

No ano de 2018, a UNISECAL, em parceria com o CEJUSC  e o Programa de Pós Graduação em Ciências Sociais Aplicadas, realizou o I Fórum de métodos consensuais de solução de conflitos e direitos humanos.

Em 2019, será realizada a segunda edição do evento, com as mesmas parcerias, incluindo o Instituto Mundo Melhor. O objetivo do evento é reunir estudiosos, profissionais e interessados no assunto, a fim de aprofundar e divulgar o conhecimento acerca dos métodos consensuais de solução de conflitos, tendo em vista que a UNISECAL tem se consolidado como uma Universidade Restaurativa, além de ter um programa de pós-graduação lato sensu sobre “Justiça Restaurativa e Mediação de Conflitos”.

A pós graduação da UEPG, por sua vez, tem produzido diversos trabalhos de mestrado e doutorado sobre os métodos consensuais de solução de conflitos. Além disso, Ponta Grossa é um polo irradiador de práticas consensuais de solução de conflitos, com destaque para a justiça restaurativa, no estado do Paraná. O evento é, também, um reconhecimento do trabalho desenvolvido no município e na região.

Além disso, o foco do evento se amplia para temas relacionados aos Direitos Humanos. Isto porque, o olhar restaurativo sobre os conflitos perpassa necessariamente pelo resgate de valores humanos. Com este sentimento, toda a comunidade está convidada a conhecer experiências em que o conflito é visto sob uma perspectiva positiva na construção de relacionamentos solidários, responsáveis e verdadeiros.

INFORMAÇÕES IMPORTANTES SOBRE AS APRESENTAÇÕES DE TRABALHOS:

No dia designado para a apresentação (10/09 às 14h), cada apresentador(a) terá o tempo de 8 (oito) minutos para compartilhar seu artigo. As apresentações serão realizadas em formato coletivo e interativo; nesse sentido o apresentador deverá estar munido de resumos ou o artigo impresso, como suporte para a apresentação, uma vez que NÃO SERÃO ACEITOS: power point, data show, banner, painel, cartaz, etc.

TRABALHOS

Os trabalhos a serem submetidos para apresentação em comunicação oral, deverão ser encaminhados à Secretaria do Evento até o dia 11 de agosto de 2019, pelo e-mail forum.academico@professorsecal.edu.br. Cada pesquisador/proponente poderá submeter até dois trabalhos, podendo ser individual ou coletivo na modalidade comunicação oral, indicando o eixo
temático e, ainda, se é TRABALHO ACADÊMICO ou BOAS PRÁTICAS. Cada trabalho poderá conter até 05 autores.
Os trabalhos serão publicados em ANAIS eletrônicos do evento, na página do evento.

Orientações para o envio dos trabalhos para apresentação em comunicação oral. Além dos seus dados, os autores devem informar, no corpo do e-mail, as informações abaixo:

Modalidades de trabalhos:

Ensaio teórico, relato de experiência profissional e de estágio acadêmico (boas práticas), pesquisa de iniciação científica, pesquisa de graduação, pesquisa de especialização, pesquisa de mestrado, pesquisa de doutorado.

Eixos Temáticos:
Na inscrição on-line do trabalho cada pesquisador/a ou profissional deverá definir o eixo temático ao qual seu trabalho está vinculado conforme opções abaixo especificadas:

– Estado, Direitos e Políticas Públicas;
– Liberdades e Direitos Humanos;
– Métodos Consensuais de Solução de Conflitos;
– Justiça e Cidadania.
– Boas práticas em direitos humanos e práticas restaurativas

Normas para submissão dos trabalhos:
1. Os trabalhos, de no mínimo 05 páginas e máximo 08 páginas com bibliografia, devem ser digitados com utilização de editores Word (formato .doc), fonte Arial, corpo 12, espaço um e meio entre as linhas do texto; corpo 10 e espaço simples para citações longas, margens direita, esquerda, superior e inferior 2,5cm;

2. A primeira página do texto, deverá incluir de forma centralizada, o título do trabalho em versal (maiúscula) e negrito, acompanhado do subtítulo, se houver, em redondo (minúscula), sem negrito. Abaixo do título, alinhado à direita autor ou autores em ordem alfabética e em nota de rodapé a apresentação dos autores. O RESUMO de até 100 palavras
em português, com a indicação de três palavras-chave, sem parágrafos e justificado;

3. O texto do trabalho deve começar com a INTRODUÇÃO, seguida das demais seções que constituem o DESENVOLVIMENTO do trabalho, e da CONCLUSÃO, cada uma delas antecedida por um indicativo (algarismo) ajustado à margem esquerda. Em se tratando de resultados parciais ou finais de pesquisa, bem como relatos de experiência, deve
conter uma seção que apresente a METODOLOGIA, antes do desenvolvimento do trabalho;

4. Os títulos das seções primárias deverão ser digitados em versal (maiúsculas) e em negrito; os das seções secundárias, apenas com a inicial em maiúscula e as demais letras em Redondo (minúsculas) exceto quando se tratar de nomes próprios que devem ser em letras maiúsculas; os títulos das demais seções deverão ser digitados em redondo (minúsculas) e sem negrito;

5. Um espaço duplo deverá ser utilizado entre os títulos das seções e o texto subsequente, da mesma forma que entre o texto e um novo título de seção;

6. As tabelas e/ou ilustrações (quadros, desenhos, gráficos, fotografias, plantas, mapas etc.) que possam compor os trabalhos deverão ser restritas ao mínimo indispensável; e numeradas consecutivamente com algarismos arábicos;

7. Com relação às ilustrações (quadros, desenhos, gráficos, fotografias, plantas, mapas etc.), abaixo das mesmas, deverá haver indicação do tipo de ilustração, se for o caso de especificar, algarismo arábico correspondente seguido do título da ilustração. As fotografias deverão ser em preto e branco;

8. As citações deverão ser indicadas no texto através do sistema de chamada autor-data, utilizando-se o rodapé com números, apenas para notas explicativas. A forma de apresentação das citações, do tamanho e corpo da fonte, espaçamento, indicação da fonte consultada, bem como as REFERÊNCIAS ao final do trabalho deverão obedecer às normas da ABNT em vigor.

Avaliação dos Trabalhos:
Os pareceristas avaliarão os trabalhos considerando o seu mérito científico, de acordo com os seguintes critérios:
1. Pertinência do trabalho em relação ao Eixo Temático proposto;

2. Qualidade linguística: clareza e correção na comunicação;

3. Conteúdo: fundamentação teórica, rigor metodológico e contribuição para a produção do conhecimento na área;

4. Forma: obediência às normas especificadas para apresentação dos trabalhos.

Apresentação de trabalhos:
Comunicação oral: 15 minutos de apresentação.

Prazos para avaliação e publicação dos trabalhos aprovados:

Submissão: 08/07 até 11/08/2019
Devolução dos trabalhos avaliados: 26/08/2019
Limite máximo para revisão do texto (caso solicitado pelos avaliadores):
03/09/2019
Lista de Aprovados: 06/09/2019 (disponível no site)

PROGRAMAÇÃO

09/09 – (segunda-feira)
Palestra de Abertura: Justiça Restaurativa enquanto mudança de paradigma e suas implicações para as políticas públicas”
Palestrante: Ms. Josineide Gadelha Pamplona Medeiros
Local: Teatro Pax (Rua Dr. Antônio Russo, 28 – Oficinas)
Horário: 19h00

10/09 – (terça-feira)
Palestra:
Não-Violência como princípio da Justiça Restaurativa
Palestrante: Dra. Petronella Maria Boonen
Local: Auditório OAB (Rua Doutor Leopoldo Guimarães da Cunha, 510 – Oficinas)
Horário: 09h00

Apresentação de Boas Práticas (direitos humanos e práticas restaurativas) e de Trabalhos Acadêmicos
Local: Unisecal – Campus III (Rua Júlio de Castilho, 642, Centro)

Horário: 14h00 às 17h00

 

Oficinas 1
Horário: 19h às 20h

Cada oficina contará com 25 vagas e ocorrerão de forma simultânea, portanto o participante do evento terá que optar por uma delas. Após realizar a inscrição para o evento, o participante deverá se inscrever para a oficina conforme a disponibilidade no site.
Local das oficinas: Unisecal – Campus III (Rua Júlio de Castilho, 642, Centro)

1) Um sistema de justiça para a vítima
Responsável: Dra. Glaucia Mayara Niedermeyer Orth (UNISECAL)

2) O cárcere e a subjetividade: as experiências restaurativas na privação de liberdade
Responsável: Ms. Renata Luciane Polsaque Young Blood (UNISECAL)

3) A escuta de crianças e adolescentes no contexto da violência sexual: entre a investigação e o cuidado
Responsável: Psicóloga Especialista Simone Sanson (NUCRIA)

4) Antropologia e Rituais Jurídicos
Responsável: Dr. Aknaton Toczek Souza (UNISECAL), Ms. Giovane Matheus Camargo.

5) Aprendo, logo não existo? Os impactos da vida acadêmica na sua saúde mental.
Responsáveis: Psicóloga Érika Hasse Becker Neiverth (Instituto Hasse), Psicóloga Maria Karolina Santos (Instituto Hasse)

6) Diálogos sobre Adoção: procedimentos, experiências e aprendizados
Responsáveis: Fabiéli Barbosa Figueira de Barros, Rafaela Karoline Batista, Gabriele Petroski Machado, Assistente Social Karla Beatriz Roesler da Silva Maia  (Vara da Infância e da Juventude)

7) Direitos de inclusão da pessoa com deficiência
Responsável: Ms. Gislaine do Rocio Rocha Simões da Silva (UNISECAL)

8) Socioeducação e políticas públicas: o atendimento ao adolescente autor de ato infracional privado de liberdade
Responsável: Dra. Luciana Pavowski Franco Silvestre (UNISECAL)

9) “Falando em Família”: direito de família e solução de conflitos
Responsáveis: Ms. Dirce do Nascimento Pereira (UEPG), Dra. Zilda Mara Consalter (UEPG)

10) Mediação pré-processual e cidadania
Responsável: Ms. Karine de Souza (UNISECAL), Advogado Thiago Ribeiro Malkut.

11) Relacionamento abusivo: o que é e o que fazer se você estiver em um
Responsável: Psicóloga Especialista Gisah Salloum

12) Direitos Humanos como ponte para um diálogo
Responsável: Ms. Aline Soares Lopes (UEPG)

13) Racismo: abordando a violência racista por meio da justiça restaurativa
Responsável: Ms. Paloma Machado Graf

das 19h às 21h
1) “O que você estava vestindo?” A violência sexual e suas implicações
Responsáveis: Psicóloga Especialista Eligiane Binotto Godoy, Dra. Marcela Teixeira Godoy (UEPG)

2) As constelações familiares no atendimento às situações de conflito
Responsável: Fisioterapeuta e Facilitadora de Constelações Familiares Maria Helena Bessa Barros Durau

 

Oficinas 2
Horário: 20h30 – 21h30
Local: Unisecal – Campus III (Rua Júlio de Castilho, 642, Centro)

1) Um sistema de justiça para a vítima
Responsável: Dra. Glaucia Mayara Niedermeyer Orth (UNISECAL)

2) O cárcere e a subjetividade: as experiências restaurativas na privação de liberdade
Responsável: Ms. Renata Luciane Polsaque Young Blood (UNISECAL)

3) A escuta de crianças e adolescentes no contexto da violência sexual: entre a investigação e o cuidado
Responsável: Psicóloga Especialista Simone Sanson (NUCRIA)

4) Antropologia e Rituais Jurídicos
Responsável: Dr. Aknaton Toczek Souza (UNISECAL) Ms. Giovane Matheus Camargo.

5) Aprendo, logo não existo? Os impactos da vida acadêmica na sua saúde mental.
Responsáveis: Psicóloga Érika Hasse Becker Neiverth (Instituto Hasse), Psicóloga Maria Karolina Santos (Instituto Hasse)

6) Diálogos sobre Adoção: procedimentos, experiências e aprendizados
Responsáveis: Fabiéli Barbosa Figueira de Barros, Rafaela Karoline Batista, Gabriele Petroski Machado, Assistente Social Karla Beatriz Roesler da Silva Maia  (Vara da Infância e da Juventude)

7) Direitos de inclusão da pessoa com deficiência
Responsável: Ms. Gislaine do Rocio Rocha Simões da Silva (UNISECAL)

8) Socioeducação e políticas públicas: o atendimento ao adolescente autor de ato infracional privado de liberdade
Responsável: Dra. Luciana Pavowski Franco Silvestre (UNISECAL)

9) “Falando em Família”: direito de família e solução de conflitos
Responsáveis: Ms. Dirce do Nascimento Pereira (UEPG), Dra. Zilda Mara Consalter (UEPG)

10) Mediação pré-processual e cidadania
Responsável: Ms. Karine de Souza (UNISECAL), Advogado Thiago Ribeiro Malkut.

11) Relacionamento abusivo: o que é e o que fazer se você estiver em um
Responsável: Psicóloga Epecialista Gisah Salloum

12) Direitos Humanos como ponte para um diálogo
Responsável: Ms. Aline Soares Lopes (UEPG)

13) Racismo: abordando a violência racista por meio da justiça restaurativa
Responsável: Ms. Paloma Machado Graf

INSCRIÇÕES

Apresentação de trabalho

Valor: 30,00
Inscrições até: 11 de agosto de 2019.

*A inscrição inclui a apresentação do trabalho e acesso à programação completa do evento. O certificado será de 20 horas para o inscrito que participar de toda a programação do II Fórum de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos e Direitos Humanos (palestras, oficinas e apresentação de trabalho).

Ouvinte

Valor: gratuito
Até 06 de setembro de 2019.

*A inscrição inclui acesso à programação completa do evento, podendo se inscrever em até duas oficinas e nas apresentações de trabalho como ouvinte. O participante poderá optar por qualquer um dos grupos de apresentação de trabalho, conforme programação. O certificado será de 15 horas para o inscrito que participar de toda a programação do II Fórum de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos e Direitos Humanos (palestras, oficinas e apresentação de trabalho).

1
Olá 👋
Podemos te ajudar?
Powered by